População vai às ruas em defesa do voto democrático

As matérias da seção Atividade Parlamentar são de inteira responsabilidade dos parlamentares e de suas assessorias de imprensa. São devidamente assinadas e não refletem, necessariamente, a opinião institucional da Assembleia Legislativa de São Paulo.
03/08/2021 09:26 | Atividade Parlamentar | Da assessoria do deputado Douglas Garcia

Compartilhar:

Douglas Garcia na avenida Paulista.<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-08-2021/fg271162.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

Na tarde do último domingo (1/8), centenas de milhares de pessoas saíram às ruas do Brasil em defesa de eleições limpas e transparentes, através de possibilidade de auditoria de votos individuais. A manifestação foi fruto de Proposta de Emenda à Constituição 135/19 que tramita na Câmara dos Deputados e está prestes a ser votada no Plenário.

A PEC prevê que no processo de votação e apuração das eleições, dos plebiscitos e dos referendos, independentemente do meio empregado para o registro do voto, é obrigatória a expedição de cédulas físicas conferíveis pelo eleitor. Conforme a proposta, as cédulas serão depositadas, "de forma automática e sem contato manual, em urnas indevassáveis, para fins de auditoria".

Dentre as lideranças políticas presentes no ato realizado na avenida Paulista, esteve o deputado Douglas Garcia (PTB-SP). Pelas redes sociais, Douglas disse que "a democracia só funciona quando o processo democrático é mais transparente". Em meio à multidão presente no ato, o deputado deu um breve discurso ressaltando a legitimidade da pauta e seu esforço incessante para ver a implantação do voto impresso. "Tomaremos as ruas hoje, tomaremos as ruas amanhã, tomaremos as ruas quantas vezes forem necessárias. Eles (ministros do STF) precisam entender que quem manda é o povo", conclui.