Construção de imóveis de programa habitacional em Bragança Paulista terá início em agosto

As matérias da seção Atividade Parlamentar são de inteira responsabilidade dos parlamentares e de suas assessorias de imprensa. São devidamente assinadas e não refletem, necessariamente, a opinião institucional da Assembleia Legislativa de São Paulo.
31/07/2020 17:23 | Atividade Parlamentar | Da assessoria do deputado Edmir Chedid

Área no Vista Alegre onde serão construídas as unidades habitacionais<a style='float:right' href='https://www3.al.sp.gov.br/repositorio/noticia/N-07-2020/fg252104.jpg' target=_blank><img src='/_img/material-file-download-white.png' width='14px' alt='Clique para baixar a imagem'></a>

A prefeitura de Bragança Paulista confirmou para agosto o início da construção dos 26 imóveis do Programa Vida Longa, especialmente projetados com a finalidade de atender as necessidades habitacionais de idosos que vivem sozinhos e em situação de vulnerabilidade social. A iniciativa contempla reivindicação do deputado Edmir Chedid (DEM) ao governo estadual.

De acordo com o parlamentar, os imóveis serão construídos em área próxima à EM Profª Marilis Reginato Abi Chedid, no Bairro Vista Alegre. Cada unidade contará com área de serviço, banheiro, cozinha, dormitório e sala de estar conjugados. Para promover maior socialização dos moradores, o local terá espaços comuns para convivência e lazer, como academias ao ar livre.

"Além disso, em Bragança Paulista o empreendimento contará com pista de caminhada, salão de convívio com área gourmet, horta elevada, paisagismo e outros benefícios. Essa também era uma reivindicação do prefeito Jesus Chedid e do vice-prefeito Amauri Sodré, que demonstraram preocupação com os idosos e também com os demais projetos relacionados", afirmou.

O Programa Vida Longa é uma parceria entre o governo estadual, que destina os recursos financeiros à CDHU para a execução do empreendimento, e a prefeitura, que fará a seleção dos beneficiários a partir de critérios estabelecidos em legislação específica. "Também reivindiquei esse benefício aos demais municípios da nossa região", finalizou o deputado Edmir Chedid.